FANDOM


A Surpresa
Capa - Capítulo 3 de The Apocalypse.jpg
Nome A Surpresa
Escrito por EiSSy
Data de lançamento 5 de Setembro de 2013
Simsérie The Apocalypse
Classificação A leitura não é recomendada para menores de 12 (doze) anos. 12 anos

Cronologia
Capítulo Anterior Capítulo 2: E o Tempo Passa...
Próximo Capítulo Capítulo 4 (em breve)
Mudou-se.png

Propriedade

The Apocalypse - Capítulo 3: A Surpresa é de propriedade de EiSSy. A menos que a edição seja construtiva ou de poucos detalhes, peça permissão ao autor para editar a página.
Habilidade3 Escrita.png
Nota do(a) Autor(a)
Peço desculpas pela demora do lançamento dos capítulos. A partir de hoje, os capítulos serão lançados todo domingo.


Dias depois da nossa convivência no grupo, não pude deixar de notar um certo tipo de afeto de minha filha com Jorge, um dos membros do grupo. Era um rapaz bonito, mas... vejamos o termo que poderei usar... fresco.

Foto 1 - Capítulo 3 de The Apocalypse.jpg

"...não pude deixar de notar um certo tipo de afeto de minha filha com Jorge..."

Certo dia, o grupo e eu saímos para procurar mais alimentos. Na verdade, surpreendi-me, pois estávamos indo em direção ao mar. Sim, depois de cinco anos, finalmente eu iria comer carne: fomos pescar!

Foto 2 - Capítulo 3 de The Apocalypse.jpg

"...fomos pescar!"

A refeição foi deliciosa e realmente satisfatória. Fomos para um local mais recluso, de difícil acesso. Lá a movimentação de peixes estava enorme! Andreia guardava um barco numa espécie de porão. Por sinal, era um incrível local para se guardar algo. Daí, foi fácil chegar ao lugar. Passam-se algumas semanas, e notei que todas as noites minha filha acordava enquanto todos estavam dormindo – ou fingindo que estavam dormindo – e ia para um local meio escondido da casa: uma espécie de buraco, com muito mato. Alguns dias depois desses estranhos ocorridos, minha curiosidade tornou-se incontrolável e fui discretamente ver o que minha filha fazia naquele discreto lugar.

Foto 3 - Capítulo 3 de The Apocalypse.jpg

"As duas falavam baixo, pareciam falar sobre sair da base."

Surpreendi-me: ela estava com Carla, uma das garotas do grupo. As duas falavam baixo, pareciam falar sobre sair da base. Olhavam para um lado e para o outro constantemente. Acabaram voltando para dentro. Acho que perceberam a presença de “mais alguém” lá fora. No dia seguinte, fui tirar satisfações com minha filha. Ela revoltou-se por ser espionada pelo próprio pai, mas acabou falando o motivo de estar lá fora em plena madrugada: “Pai”, ela começou. “Eu e a Carla não estávamos saindo, só fomos pegar...”. Nessa parte, minha filha pensou um pouco antes de falar. “Fomos pegar umas uvas! É isso! Porque estávamos com fome. Só isso”. Mas a justificativa ainda não me satisfez. Na próxima noite, lá fui eu novamente “espioná-las”. Desta vez, mais discreto. Elas saíram da base e estavam indo em direção as antigas mansões de Sunset Valley. Segui-as, bem discreto.

Foto 4 - Capítulo 3 de The Apocalypse.jpg

"Quando elas chegaram ao destino, me surpreendi: havia uma pessoa as esperando."

Quando elas chegaram ao destino, me surpreendi: havia uma pessoa as esperando. Pelas sombras, não consegui ver quem era, mas aparentava ser uma mulher. Elas conversavam. Pude ouvir algumas frases: “Porque você não aparece? Não sabe [...] vai ficar feliz!”, “Ele te ama, apesar de [...]”, “Em breve retornarei, meninas! E quando isso acontecer [...]”. Eu, obviamente, não entendia nada. Mas não pude deixar de notar que a mulher desconhecida tinha uma voz... familiar. Elas despediram-se e eu escondi-me entre os arbustos. Pegavam o caminho para a base. Peguei um atalho que conhecia para chegar mais rápido, pois elas com certeza sentiriam minha falta se chegassem à base e eu não estivesse lá.

Foto 5 - Capítulo 3 de The Apocalypse.jpg

"Peguei um atalho que conhecia para chegar mais rápido..."

Foto 6 - Capítulo 3 de The Apocalypse.jpg

"Tive que subir numa árvore, e lá fiquei por trinta longos minutos..."


No caminho, fui surpreendido por uma manada de lobos. Tive que subir numa árvore, e lá fiquei por trinta longos minutos, até que eles desistiram de sua “refeição”. Com o tempo que passei em cima da árvore, Carla e Débora já deveriam ter chegado à base. Mas lá não estavam. “Merda!”, pensei. “Na certa, foram me procurar!”. Fui procurá-las. Com lobos a solta, elas corriam perigo. O primeiro lugar que arrisquei foi onde elas se encontraram com a mulher desconhecida. Não precisei chegar lá.

Foto 7 - Capítulo 3 de The Apocalypse.jpg

"No caminho para a mansão, achei Carla e Débora. Junto delas, encontrava-se a mesma mulher com quem elas conversaram anteriormente."

No caminho para a mansão, achei Carla e Débora. Junto delas, encontrava-se a mesma mulher com quem elas conversaram anteriormente. Quando a vi de perto, não consegui conter a surpresa.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória