FANDOM


Trabalho Sujo
Nova Belavista - Capítulo 9
Nome Trabalho Sujo
Escrito por [[Usuário:Mar99 wiki|Mar99 wiki]]
Data de lançamento 9 de Fevereiro de 2013
Simsérie Nova Belavista
Classificação Classificação 10 anos 10 anos

Cronologia
Capítulo Anterior Capítulo 8: As Máscaras Caem
Próximo Capítulo Capítulo 10: Erros Perigosos
Mudou-se

Propriedade

Nova Belavista - Capítulo 9: Trabalho Sujo é de propriedade de Mar99 wiki. A menos que a edição seja construtiva ou de poucos detalhes, peça permissão ao autor para editar a página.


Maria José se focava muito no seu trabalho, e depois de muito esforço, conseguiu chegar ao topo de sua carreira: a prefeita de Belavista. Maria José estava se sentindo cada vez melhor. Tinha cumprido seu sonho de ter o cargo mais importante de sua carreira, e poderia fazer as mudanças que queria. Mas, já há algum tempo, Maria José tinha uma pedra no seu sapato. E esse problema tinha um nome: Magnus Quero-Tudo-Que-É-Seu. 

Magnus era um empresário inescrupuloso, que já há vários anos ameaçava a existência de pequenos negócios em Belavista e no seu distrito, Vila Água Azul, onde ele mesmo morava. Magnus era o irmão maldoso de Malcolm IV, e queria ver o irmão o menos tempo possível acabado. Onde passava, destruía sonhos. Os Latoeiros, que tinham sua pequena loja de brinquedos, a perderam, depois que Magnus aos poucos arruinava o negócio. As coisas para os Jaqueta tampouco iam bem. Magnus andava sabotando a geladeira e o fogão, com os quais tiveram alguns problemas. 

Magnus tinha um secretário, chamado Minh Kimisha. Minh era descendente de japoneses. Não era um homem maldoso, ao contrário, era bastante honesto. Não podia deixar o emprego, pois não encontraria outro trabalho com tanta remuneração como aquele. Ainda por cima, Minh deveria cuidar de sua mãe, que não andava muito bem há alguns anos. Minh tinha um irmão gêmeo, Reiko. Ele não era muito chegado à mãe, já que eles tiveram alguns desentendimentos no passado. Reiko se responsabilizava pelo “trabalho sujo” de Magnus, e era seu braço direito.

Nova Belavista - Capítulo 9 (01)

– Minh, você trabalha comigo já faz dez anos. – afirmou Magnus. – Então, não encontrei nenhuma outra pessoa tão de minha confiança para a tarefa que vou dar.

Sete horas da noite, Magnus chamou Minh à sua sala. Parecia raivoso, então, era melhor que Minh tomasse cuidado com sua fala.

– Minh, você trabalha comigo já faz dez anos. – afirmou Magnus. – Então, não encontrei nenhuma outra pessoa tão de minha confiança para a tarefa que vou dar.

– E que tarefa é essa, senhor? – perguntou Minh.

– Você deverá queimar Móveis Finos Ramirez. – ordenou Magnus. Minh estava surpreso. – Aquele convencido do Checoleon já arranjou muitos problemas comigo. Se gaba que sua loja está indo “de vento em popa”. Mas já chega.

Nova Belavista - Capítulo 9 (02)

– MINH! – enfureceu-se Magnus – EU NÃO POSSO ACREDITAR! COMO NÃO CONSEGUE CUMPRIR UMA SIMPLES ORDEM COMO ESSA?! CONSIDERE-SE DEMITIDO!

– Eh... Senhor... – gaguejou Minh – Não estou acostumado com isso. Porque o senhor não pede para meu irmão?

– Seu irmão? – estranhou Magnus – Ele não tem o nível de confiança que eu tenho com você. Eu ordeno que você o faça. Agora chega de conversa. Incendeie aquela maldita loja de uma vez por todas. E quero que você se livre de Checoleon também! Mate-o! Se conseguir incendiar o lugar antes de ele sair, melhor. Você matará dois coelhos com uma cajadada só.

– Mas... Senhor... – Minh tentava escolher as palavras certas. Como iria negar um trabalho desses? Magnus era muito poderoso. – Eu... Não posso fazer isso...

Nova Belavista - Capítulo 9 (03)

– Eu... Eu... Eu vou fazer. – Minh falou baixo.

– O quê?! – gritou Magnus – Você está negando uma ordem minha?

– Senhor... Eu... – falou Minh – Não consigo fazer isso... Eu não vou fazer.

– MINH! – enfureceu-se Magnus – EU NÃO POSSO ACREDITAR! COMO NÃO CONSEGUE CUMPRIR UMA SIMPLES ORDEM COMO ESSA?! CONSIDERE-SE DEMITIDO!

– NÃO! NÃO! Por favor, não, senhor Magnus!... – implorou Minh – Eu tenho que cuidar de minha pobre mãezinha que está doente! Eu preciso muito desse trabalho!

Nova Belavista - Capítulo 9 (04)

– MINH – esbravejou Magnus. Minh virou-se. – Faça isso AGORA. Tome essa arma e uns dispositivos para poder incendiar o lugar.

– VAI FAZER O QUE EU MANDEI?! – Magnus gritou. Minh respirou fundo.

– Eu... Eu... Eu vou fazer. – Minh falou baixo.

– EXCELENTE! ÓTIMO! – gritou Magnus – Quero o trabalho feito completo! Você sabe que eu odeio coisas pela metade.

– E-Está bem, senhor. – Minh gaguejou. Deu a volta para sair da sala, pensando: “Como eu vou fazer isso?!”

– MINH – esbravejou Magnus. Minh virou-se. – Faça isso AGORA. Tome essa arma e uns dispositivos para poder incendiar o lugar.

Nova Belavista - Capítulo 9 (05)

O secretário pegou seu carro e dirigiu até a loja de Checoleon. Ficou se perguntando o caminho inteiro como ia fazer isso.

– E-Está b-bem, senhor. – Minh gaguejou mais ainda. Tremendo, pegou a arma e os dispositivos e saiu da sala. 

Magnus estava desconfiado ainda. Estaria seu secretário de confiança o enganando? E se ele não fizesse o prometido? Magnus pegou sua agenda e ligou para alguém. Ficou conversando por alguns minutos no telefone até concluir a conversa:

– Então você entendeu bem? – perguntou Magnus.

– Claro. – respondeu a pessoa do outro lado da linha – Vai ser fácil.

– Excelente! Lhe pago quando chegar. – Magnus terminou de falar e desligou o telefone.

Nova Belavista - Capítulo 9 (07)

Um pouco antes de chegar ao lugar, Minh parou e saiu do carro. Precisava de ar puro. Parou em um parque de Vila Água Azul, onde antes funcionava um silo.

Minh pegou suas coisas e caminhou até o elevador. “Onde está o meu irmão, quando eu preciso dele?”, perguntou Minh a si mesmo. O secretário pegou seu carro e dirigiu até a loja de Checoleon. Ficou se perguntando o caminho inteiro como ia fazer isso.

Um pouco antes de chegar ao lugar, Minh parou e saiu do carro. Precisava de ar puro. Parou em um parque de Vila Água Azul, onde antes funcionava um silo. De um banco vizinho ao de Minh, seu irmão apareceu.

– E aí, mano? – perguntou Reiko.

– REIKO! – assustou-se Minh – Onde você estava?

Nova Belavista - Capítulo 9 (09)

– Ótimo! – animou-se Reiko – O primeiro crime do meu irmãozinho!

– Ah, andando por aí. – respondeu Reiko – O que está fazendo?

– Magnus quer que eu coloque fogo na loja de Checoleon e o mate depois. – falou Minh, com pesar.

– Ótimo! – animou-se Reiko – O primeiro crime do meu irmãozinho! 

– Cale a boca, Reiko! – gritou Minh – Só aceitei fazê-lo porque mamãe precisa cuidar da saúde dela.

– Ok, ok. – desconversou Reiko – Me dê uma carona até lá. Preciso ir à casa de um amigo.

Nova Belavista - Capítulo 9 (11)

– Cale a boca, Reiko! – gritou Minh – Só aceitei fazê-lo porque mamãe precisa cuidar da saúde dela.
– Ok, ok. – desconversou Reiko – Me dê uma carona até lá. Preciso ir à casa de um amigo.

    

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória