FANDOM


Um Dia Após o Outro
Capa Cap 12
Nome Um Dia Após o Outro
Escrito por [[Usuário:AtMisaelChannel|AtMisaelChannel]]
Data de lançamento 01 de Fevereiro de 2014
Simsérie A História de Olívia Espectro
Classificação Classificação 14 anos 14 anos

Cronologia
Temporada 1
Capítulo Anterior Capítulo 11: Um Novo Problema
Próximo Capítulo Capítulo 13: O Novo Momento
Mudou-se

Propriedade

A História de Olívia Espectro - Capítulo 12: Um Dia Após o Outro é de propriedade de AtMisaelChannel. A menos que a edição seja construtiva ou de poucos detalhes, peça permissão ao autor para editar a página.


Informação do Episódio

"Um Dia Após o Outro" é o décimo-segundo capítulo de AHOE. Escrito dia 26 de Janeiro de 2014, seria lançado dia 29 ou 30 de Janeiro de 2014, mas, devido à problemas na internet, o episódio não pôde ser lançado. Com a internet melhor, será lançado dia 1° de Fevereiro de 2014. A Família Rosnado fará uma aparição especial nesta história, juntamente com Lilá Rosnado, que virá morar na casa da amiga Olívia Espectro. Ofélia, ao longo do episódio, se tornará uma adolescente, e Olívia já vem sofrendo com as crises de meia idade: sim, ela está envelhecendo! Ela também descobre que está grávida... Nervoso Cobaia? Não perca mais um capítulo inédito de "A História de Olívia Espectro"!

Episódio

AHOE - Foto 197

Algum tempo depois, com a morte de Jéssica, Ofélia, sua sobrinha, já havia superado-a, pois, ela já tinha sua tia como seu conforto. As coisas haviam esfriado naquela casa.

Algum tempo depois, com a morte de Jéssica, Ofélia, sua sobrinha, já havia superado-a, pois, ela já tinha sua tia como seu conforto. As coisas haviam esfriado naquela casa. Olívia, com o passar dos anos, também mudou seu visual, largou aquele clássico vestido roxo, e vestiu algo que se sentisse mais confortável. Olívia também estava ficando velha: ela estava passando por uma crise de meia-idade... Cabelos brancos, dor nas costas... Para se livrar dos cabelos brancos, Olívia os pintava, de preto, mas, quanto mais pintava, mais ficavam brancos. Ela estava ficando sem um pouco de força pra andar.

AHOE - Foto 198

Com o passar dos anos, sua sobrinha, Ofélia Nigma, também estava crescendo! Com visuais supermodernos e extravagantes, Ofélia já estava de passagem pela puberdade.

Com o passar dos anos, sua sobrinha, Ofélia Nigma, também estava crescendo! Com visuais supermodernos e extravagantes, Ofélia já estava de passagem pela puberdade. Aos 8, optou por um visual de viagem, estilo “Bon Voyage”. Aos 12, ficou estilo “patricinha”, deixando seu cabelo com um visual mais aberto, mais rosa, mais “chique”. Aos 15, resolveu deixar tudo isso de lado, deixando seu visual completamente negro: Sim, Ofélia quer ser gótica. Para isso, cortou mexas do seu cabelo, pôs um batom preto e colocou roupas um pouco discretas, pra dentro. Aos 16, um ano depois, achou que aquilo tudo não serviria pra ela, e optou por deixar um visual mais rebelde, e que enfrentasse a autoridade. Seu cabelo havia crescido, e ela havia deixado ele como aos 8 anos, com tranças. Ela havia esquecido de vez aquele visual dos 15, e inclusive, tirou aquele batom preto e sem graça, e voltou com seu vermelho escuro, de infância. Com seu visual já pronto e bem vestido, Ofélia já se sentia bem ao dizer que era uma adolescente feliz e completa.

AHOE - Foto 199

Durante seu tempo de adulta, Olívia havia sentido inúmeras contrações no seu corpo, e sem mencionar o fato de que Olívia vomitava muito. Desconfiada, pensando que era poderia ter comido algo estragado, passou a olhar a data de validade de cada produto que comprava do supermercado.

Durante seu tempo de adulta, Olívia havia sentido inúmeras contrações no seu corpo, e sem mencionar o fato de que Olívia vomitava muito. Desconfiada, pensando que era poderia ter comido algo estragado, passou a olhar a data de validade de cada produto que comprava do supermercado. Vendo que assim ela ainda vomitava, nem passava pela sua cabeça que estaria grávida. Além das náuseas e vômitos, Olívia também sentiu muita cólica, dores abdominais, cansaço e muito apetite, todos os sintomas que uma grávida comum sentiria. Olívia teria ido até o médico para ver o que era isso tudo. Quando soube que estava grávida, ficou chocada. Como não poderia falar com a morte, atraiu uma NPC entregadora de pizza, Daniela Canela, até a sua casa e a matou. Quando Dona Morte iria recolher o corpo, Olívia anunciou a gravidez, pois, haviam feito Oba-Oba semanas atrás. Porém, como Dona Morte era um pai ausente na vida do bebê, ele prometeu dar mais dinheiro para Olívia cuidar das fraldas, berçário e tudo mais.

AHOE - Foto 200

Para Olívia, era uma gravidez indesejada. Ela realmente não queria um bebê. Por mais ilegal que seja, Olívia tentou aborto duas vezes, mas elas falharam e Olívia permaneceu gravida.

Para Olívia, era uma gravidez indesejada. Ela realmente não queria um bebê. Por mais ilegal que seja, Olívia tentou aborto duas vezes, mas elas falharam e Olívia permaneceu gravida. Era um mistério saber quem era o verdadeiro pai do bebê. Olívia estava com medo em falar que o pai do Bebê era Dona Morte. Sem mais opções, optou em falar que Mané Crosado seria o pai, o que poderia gerar desconfianças, pois idosos já não seriam capazes mais de ter filhos, mas, Olívia, detalhando especificadamente sua mentira, disse que se arriscou à fazer alguns tratamentos para engravidar que haviam dado certo. Muita gente não acreditou nessa mentira, o que gerou leves desconfianças. Houve até mesmo boatos de que Olívia havia sido estuprada.

AHOE - Foto 201

Dias depois, com nove meses completos de gravidez, Olívia havia acordado numa manhã de sábado com fortes dores de parto: Sim, a bolsa havia estourado!

Dias depois, com nove meses completos de gravidez, Olívia havia acordado numa manhã de sábado com fortes dores de parto: Sim, a bolsa havia estourado! Sem a menor força para ir para o hospital, seu parto foi caseiro e em casa mesmo, sozinha. Sua sobrinha Ofélia já estava na escola, o que poderia ser uma grande ajuda. E então, o esperado acontece: o bebê nasce! Olívia decide chamar o bebê de Nervoso. Ele era branco, com os olhos esbugalhados e tudo mais. Olívia não queria aquele bebê, portanto, ela o entregou para a Assistente Social. Mas, a assistência disse que Olívia não poderia deixar seu bebê num orfanato ainda, pois ele estava lotado e havia acabado de chegar mais 5 crianças órfãs. Por mais esclarecedor seus depoimentos seriam, era melhor o bebê ficar com ela. Mas, Olívia teve de cria-lo.

AHOE - Foto 202

Anos depois, o pequeno Nervoso estava crescendo. Sim, ele se tornou um bebê! Olívia percebeu certa deformidade nos olhos do garoto, mas nem ligou pra isso. Ela já estava aprendendo a amar o garoto, apesar da gravidez indesejada.

Anos depois, o pequeno Nervoso estava crescendo. Sim, ele se tornou um bebê! Olívia percebeu certa deformidade nos olhos do garoto, mas nem ligou pra isso. Ela já estava aprendendo a amar o garoto, apesar da gravidez indesejada. Só não estava suportando-o a hora que ele chorava. Ele se desesperava bastante, principalmente por colo! Para Olívia, era a gota d’água perder o sono por causa daquela criança que a acordava o tempo todo. Ofélia, com a chegada do bebê, perguntou se era dela, mas, mentindo novamente, e pensando em uma forma de se livrar daquela criança, mentiu, dizendo que era de sua amiga do exterior, e que precisaria cuidar dela. Ofélia adorou a chegada do bebê. Com o tempo, Olívia começou a maltratá-lo, não ligando nem mesmo para o choro dele. Uma testemunha, que espionava Olívia, viu tudo isso acontecer, toda a covardia ocorrida. Essa pessoa, anonimamente, ligou para o ConselhoSim Tutelar, ou melhor, Assistência Social, para que a criança fosse acompanhada por pais melhores.

AHOE - Foto 203

Depois de uma assistente social chegar até a sua casa, Olívia tentou se explicar, e, sinceramente, disse que foi uma gravidez indesejada e queria se livrar do próprio filho. Ela recebeu uma bronca até da mulher, que estava revoltada com a situação ocorrida.

Depois de uma assistente social chegar até a sua casa, Olívia tentou se explicar, e, sinceramente, disse que foi uma gravidez indesejada e queria se livrar do próprio filho. Ela recebeu uma bronca até da mulher, que estava revoltada com a situação ocorrida.
“Olá, dona Olívia Muenda. Recebi uma ligação anônima do orfanato de que você estava espancando e maltratando este bebê. Desculpe-me, mas você está ficando louca? Como você pode tratar assim, esta pobre criança? Ele é só um bebê, e é seu próprio filho! O que ele fez de tão ruim pra você? Sua monstra! Se você não a queria, era só não ter engravidado, simples assim. Existem tantas coisas por aí que evitam uma gravidez indesejada, pensa só nisso... Pílulas anticoncepcionais, camisinha... Você é uma mãe muito irresponsável, e, por ordem do governo, estamos judicialmente retirando a guarda do seu filho, Nervoso, deste lugar, e ela virá a morar no orfanato conosco, até que venham pais mais responsáveis e competentes a adotem. Você deu sorte que não irá ser presa, desta vez. Você não pode pedir seu bebê de volta, e está proibida de vir futuramente adotar uma criança sequer. Se me permite, estou indo buscar a criança. Passar bem.” Disse a assistente social, logo pegando a criança no colo e se retirando daquela casa. Ela estava indignada com a situação, pois nunca tinha passado por tudo aquilo. Olívia ficou um pouco mal pela bronca, mas, ela logo se acalmou por não ter que não ouvir mais um bebê chorando naquela casa, e muito menos o sermão daquela mulher. Ofélia voltou pra casa e viu que o bebê não estava lá. Perguntando por ele, mentindo, novamente, disse que a mãe havia vindo passar para busca-lo.

AHOE - Foto 204

Algum tempo depois, vamos até a casa dos Rosnado. Sim, lá vivia um pai super protetor e rigoroso, chamado General Bruto Rosnado, e havia uma esposa, Lilá Rosnado. Ambos, tinham três filhos.

Algum tempo depois, vamos até a casa dos Rosnado. Sim, lá vivia um pai super protetor e rigoroso, chamado General Bruto Rosnado, e havia uma esposa, Lilá Rosnado. Ambos, tinham três filhos. Os mais velhos da casa eram os adolescentes Imito e Culatra Rosnado. Imito não obedecia a seu pai e achava ridículo a forma que ele tratava à ele e seus irmãos, portanto, sempre o ignorou, e, para se distrair, passa o dia todo assistindo TV e não dando a mínina pra ele. Já Culatra, sempre seguiu as ordens do seu pai, e sonha em trabalhar para o exército e se tornar um grande general, assim como seu pai, que é sua influência positiva. Pintou a cara como o pai e passa o dia seguindo suas ordens. Já o filho mais novo, Armânio Rosnado, assim como Imito, adora seu pai mas não suporta as ordens que dá a ele e seus irmãos. Não sonha em ir para o exército como seu irmão mais velho, mas gosta de ficar treinando boxe com seu pai, para se defender dos valentões da sua escola que andam o atormentando desde o seu primeiro dia de aula.

AHOE - Foto 205

- Anda filho, bate, bate! Vira homem, rapaz, bata direito, tá parecendo um frangote! Enquanto você não der um soco de macho, tu não sai dessa casa!
- Vou fazer o meu melhor, pai!

- Anda filho, bate, bate! Vira homem, rapaz, bata direito, tá parecendo um frangote! Enquanto você não der um soco de macho, tu não sai dessa casa!
- Calma, pai! Eu tô fazendo meu melhor!
- É General Bruto Rosnado, moleque! Agora anda, bate de com força nesse saco de pancadas! E nada de calma, eu não tô estressado! Anda logo!

AHOE - Foto 206

- Imito Rosnado! Seu folgado! Vira homem, rapaz! Você só assiste TV o dia todo e fica com essa pose de bicha! Sai desse sofá se não te arrebento todo! Vá treinar com seus irmãos lá fora!
- Aff, pai. Você é um saco! Quer saber, você é um chato, você não me deixa fazer nada, só reclama e nunca nos deixa em paz!

- Imito Rosnado! Seu folgado! Vira homem, rapaz! Você só assiste TV o dia todo e fica com essa pose de bicha! Sai desse sofá se não te arrebento todo! Vá treinar com seus irmãos lá fora!
- Aff, pai. Você é um saco! Quer saber, você é um chato, você não me deixa fazer nada, só reclama e nunca nos deixa em paz!
- E quem te perguntou seu merdinha? Me responda novamente nesse tom de novo que te arrebento a cara! Anda logo e vai pra lá, se não quiser que eu te deixo de castigo e corto a TV de você por um mês, igual fiz da última vez!

AHOE - Foto 207

- Oh, parabéns, soldado Culatra Rosnado! Você fez tudo que eu pedi, e é melhor de toda a tropa! Se estivéssemos no exército agora, te daria uma medalha ou algo do tipo. Sorte minha que não criei um bosta igual aquele patife do teu irmão Imito.
- Obrigado, pai! Juro que não vou decepcionar você!

- Oh, parabéns, soldado Culatra Rosnado! Você fez tudo que eu pedi, e é melhor de toda a tropa! Se estivéssemos no exército agora, te daria uma medalha ou algo do tipo. Sorte minha que não criei um bosta igual aquele patife do teu irmão Imito.
- Obrigado, pai! Juro que não vou decepcionar você!
- É bom mesmo, se não te sento um tapa na cara! E é General Bruto Rosnado pra você! E fala gritando!
- SIM, SENHOR! General Bruto Rosnado! Vou cumprir todas as suas ordens senhor!

AHOE - Foto 208

Imito, cansado de receber as ordens do seu pai, resolveu desabafar um pouco com a sua mãe, já que ela era a única que o compreendia.

Imito, cansado de receber as ordens do seu pai, resolveu desabafar um pouco com a sua mãe, já que ela era a única que o compreendia.
- Mãe, mãe, mãe! – Gritou Imito.
- O que houve, Imito? – Perguntou Lilá.
- Mãe, o papai tá nos tratando como escravos de novo. Ele pensa que vivemos num exército, aff! Olha só nosso quintal, parece um campo de guerra! Ele fica com essas regrinhas de machão, sempre quer nos acordar as cinco horas da manhã com aquele balde d’água super gelado! E nos obriga a vestir aquelas vestimentas do exército! Por favor mãe, conversa com o meu pai, eu não aguento mais isso.
- Oh, meu filho. Pode deixar que eu falo com ele. Ele vai parar com essa coisa toda, não se preocupa. Se ele fizer qualquer outra coisa com você e seus irmãos, não deixe de falar comigo!

AHOE - Foto 209

- Bruto... Querido, vem aqui um minuto?
- Oh, é claro, Lilá! Pode falar, meu doce de banana.
- Querido... Pelo amor de Deus, você pode, por favor, parar de tratar seus filhos desse jeito? Aqui não é o exército, amor... Queria que você pegasse menos pesado com eles daqui pra frente... Pode ser?

- Bruto... Querido, vem aqui um minuto?
- Oh, é claro, Lilá! Pode falar, meu doce de banana.
- Querido... Pelo amor de Deus, você pode, por favor, parar de tratar seus filhos desse jeito? Aqui não é o exército, amor... Queria que você pegasse menos pesado com eles daqui pra frente... Pode ser?
- Ah, desculpa meu amor, você tem razão, tenho sido muito arrogante com meus filhos. Eu prometo pra você que eu vou parar com isso.
- Ótimo, querido. Farei umas comprinhas no supermercado. Pense no que te falei. Até logo!

AHOE - Foto 210

E quem disse que o General Bruto Rosnado ouviu as ordens que sua esposa havia pedido? Que nada! Ele foi ficando mais arrogante ainda, mais mandão, bancando o superior. Tanto que chegou a bater nos próprios filhos de raiva, porque não obedeciam à ele.

E quem disse que o General Bruto Rosnado ouviu as ordens que sua esposa havia pedido? Que nada! Ele foi ficando mais arrogante ainda, mais mandão, bancando o superior. Tanto que chegou a bater nos próprios filhos de raiva, porque não obedeciam à ele. Nem mesmo o próprio Culatra Rosnado, o filho que amava o pai, estava cansado de longas horas de treino pesado em casa. Lilá observou tudo isso que estava acontecendo. Ela brigou várias vezes com o próprio marido, mas ele nunca prometeu à ela que mudaria de atitude.
“Eu não suporto mais isso... Eu juro que hoje mesmo eu pedirei o divórcio daquele cretino! Ele trata nossos filhos como escravos, cachorros! Quem ele pensa que é? Eu tô cansada dele, cansada! Indignada! Me desculpa Bruto, mas a única pessoa que ainda gostava de você, você a perdeu”.

AHOE - Foto 211

- BRUTO! SEU ANIMAL, IDIOTA! QUEM VOCÊ PENSA QUE É? VOCÊ TRATA NOSSOS FILHOS COMO ESCRAVOS! EU NÃO TE DISSE PRA PARAR DE AGIR ASSIM? VOCÊ NÃO TEM JEITO MESMO!!! – Gritou Lilá.
- Desculpa querida... Me desculpa... Eu fiz o que te pedi, ora bolas. Tratei nossos filhos de uma forma mais suave... Você pediu pra que eu pegasse menos pesado com eles... E eu peguei de mais com força ainda! Entende, Lilá?

- BRUTO! SEU ANIMAL, IDIOTA! QUEM VOCÊ PENSA QUE É? VOCÊ TRATA NOSSOS FILHOS COMO ESCRAVOS! EU NÃO TE DISSE PRA PARAR DE AGIR ASSIM? VOCÊ NÃO TEM JEITO MESMO!!! – Gritou Lilá.
- Desculpa querida... Me desculpa... Eu fiz o que te pedi, ora bolas. Tratei nossos filhos de uma forma mais suave... Você pediu pra que eu pegasse menos pesado com eles... E eu peguei de mais com força ainda! Entende, Lilá?
- SEU BURRO! VOCÊ NÃO APRENDE! EU TÔ CANSADA DE VOCÊ, BRUTO! HOJE MESMO VOU PEDIR ESSE DIVÓRCIO EM MÃOS. EU CANSEI, CANSEI DESSA MINHA VIDA QUE EU LEVO AQUI!
- O QUÊ??? NÃO FAÇA ISSO, LILÁ! PELO AMOR DE DEUS, EU JURO QUE EU TRATO MEUS FILHOS MELHOR! ME DÁ MAIS UMA CHANCE!
- Hahaha! Nem vem! É piada! Já te dei milhares de chances. Eu já venho falando isso com você há muito, mas muito tempo mesmo! E quem disse que você me escuta? “Anda Bruto, para de tratar seus filhos assim...” “Para Bruto”... E quem disse que você me escutou? Você ficou tão louco que chegou a espancar nossos próprios filhos porque não obedeciam você! Seu idiota! Quero que você suma da minha vida. Vou fazer as minhas malas agora mesmo e quero que você vá pro inferno! De noite já estou partindo, desculpa Bruto.
- AH. ENTÃO É ASSIM? ENTÃO VÁ!!!! VAGABUNDA!!! NEM QUERIA VOCÊ MESMO!!! É BOM QUE VOCÊ NÃO ESTARÁ AQUI PRA ENCHER O SACO!

AHOE - Foto 212

E então, à noite, Lilá Rosnado vai embora da casa. Ela se despede dos filhos e promete que vai visita-los sempre, afinal, eles ainda são seus filhos, e Bruto não pode impedi-la que ela os veja.

E então, à noite, Lilá Rosnado vai embora da casa. Ela se despede dos filhos e promete que vai visita-los sempre, afinal, eles ainda são seus filhos, e Bruto não pode impedi-la que ela os veja. Ela parte em direção até a casa de sua melhor amiga, Olívia Espectro. Ela havia ligado para ela de tarde e iria viver em sua casa, até sair da sua casa e alugar um apartamento. Temendo que Bruto faça algo contra seus filhos de raiva, ela o ameaça, dizendo que chamará a polícia se ver os filhos reclamando dele de novo pelo celular para ela.

AHOE - Foto 213

Na manhã seguinte, o General Bruto Rosnado havia acordado. Preparado para dar uma boa para sua esposa, havia se lembrado da briga que havia acontecido ontem à noite, e, claramente, o pedido de divórcio.

Na manhã seguinte, o General Bruto Rosnado havia acordado. Preparado para dar uma boa para sua esposa, havia se lembrado da briga que havia acontecido ontem à noite, e, claramente, o pedido de divórcio.
- Ah, Lilá... Como eu fui bobo em tratar meus filhos assim... A que ponto cheguei, meu Deus? Se eu pudesse voltar ao tempo... Teria ouvido ela... Mas, eu queria transformar essa casa num tremendo exército... – Disse General Bruto Rosnado, com grande arrependimento.

AHOE - Foto 214

- Gente, gente! – Gritou Armânio para seus irmãos.
- O que foi, Armânio? - Disseram Imito e Culatra.
- Poxa... Vocês viram? Mamãe e papai se separaram! E pior! A mamãe saiu de casa! *sniff* Será que ela vai voltar a nos ver?

- Gente, gente! – Gritou Armânio para seus irmãos.
- O que foi, Armânio? - Disseram Imito e Culatra. - Poxa... Vocês viram? Mamãe e papai se separaram! E pior! A mamãe saiu de casa! *sniff* Será que ela vai voltar a nos ver?
- Eu não sei, maninho... Tomara que sim... Mas, é melhor que eles tenham se separado... Papai nos tratava muito mal, e mamãe quis apenas nos defender, só isso! – Disse Culatra.
- É culpa daquele velho chato que a gente chama de pai! Agora ele tá todo arrependido lá na sala pedindo desculpas a si mesmo... – Falou Imito.

AHOE - Foto 215

E então, não muito longe dali, Lilá ficou por uns tempos na casa de uma amiga, Olívia Espectro. Em breve ela iria sair da cidade e alugar um apartamento, para viver por conta própria.

E então, não muito longe dali, Lilá ficou por uns tempos na casa de uma amiga, Olívia Espectro. Em breve ela iria sair da cidade e alugar um apartamento, para viver por conta própria.
- Lilá, querida! Você chegou! - Oi gente, cheguei!
- E aí, querida... Tudo bem com você? Soube que você e o Bruto se separaram ontem à noite...
- É... Ele tratava nossos filhos de uma forma muito dura e rigorosa! Simplesmente cansei daquela conversinha fiada dele! Ah, Olívia, me desculpe estar aqui te incomodando com minha vida pessoal...
- Ah, que isso, querida. Entre. Pode ficar o tempo que precisar, afinal... Eu e a Ofélia estamos sozinhas por aqui... Sua presença será muita coisa para nós! “Oba... Mais uma vítima! Dona Morte, me aguarde, estamos prestes a nos beijar em breve!” Vem menina, senta um pouco, desabafa.

AHOE - Foto 216

- E então, Lilá... Me conte sobre tudo!
- Ah, nem te conto! Hehe! Eu pedi divórcio ontem mesmo. Durante muito tempo, meus filhos reclamavam que ele pegava muito pesado com ele. Eu sempre o pedi para parar, mas não... Nunca me escutava! Eu falava “Bruto, pelo amor de Deus, para de ficar exagerando, seus filhos já não estão mais suportando! Aqui não é o exército! Quando você vai entender isso?” Na manhã seguinte, eu pedi o divórcio. Já não tava aguentando-o mais! Simples isso!

- E então, Lilá... Me conte sobre tudo!
- Ah, nem te conto! Hehe! Eu pedi divórcio ontem mesmo. Durante muito tempo, meus filhos reclamavam que ele pegava muito pesado com ele. Eu sempre o pedi para parar, mas não... Nunca me escutava! Eu falava “Bruto, pelo amor de Deus, para de ficar exagerando, seus filhos já não estão mais suportando! Aqui não é o exército! Quando você vai entender isso?” Na manhã seguinte, eu pedi o divórcio. Já não tava aguentando-o mais! Simples isso!
- Misericórdia! Querida, não se preocupe. Você encontrará alguém melhor que aquele babaca! Se eu fosse você, eu o espancava todinho, mataria ele e jogaria o seu corpo riacho abaixo. Gente assim merece sofrer dolorosamente!
- Credo Olívia, não é assim que a banda toca, afinal, não sou uma assassina. Agora ele está livre para arrumar outra mulher pra vida dele se ele quiser, porque eu não volto pra ele nem a pau. Só virei naquela casa agora pra ver meus filhos, não ele. Agora a fila anda. Quem mandou ele não ter me escutado justo quando eu o avisava? Por mim que sofra sozinho
- Que bom! Fique aí um pouco que eu vou preparar um lanchinho! Afinal, de boas vindas. Melhor prevenir do que remediar!
- Obrigada! Eu vou ficar esperando aqui com a Ofélia.

AHOE - Foto 217

- E então... Ofélia Nigma?
- É sim!
- Então você é a sobrinha da Olívia... Que legal!
- É...

- E então... Ofélia Nigma?
- É sim!
- Então você é a sobrinha da Olívia... Que legal!
- É...
- E aí... Tudo bem com você? Algum namoradinho, querida?
- Awn... N-Ninguém...
- Sei... Conta pra mim!
- Aí, não sei se deveria fazer isso, mas tá! Eu ando espionando um menino da minha escola, ele se chama João Silva...
- João Silva? Não é o filho daquele alienígena 9 de Souza com Jeanie Silva?
- Esses são os pais dele? Legal! É que ele é bonitinho... E eu nem ligo pelo fato dele ser um alienígena, afinal, adoro coisas estranhas. Você acha que teríamos uma chance, Lilá?
- Nunca é tarde de mais pra nada, querida, nunca. Mas cuidado pra não se decepcionar... Ainda mais com um bruto general militar vivendo com você!
- Não sei porque mas, vou adorar você viver aqui, Lilá! Poderia me dar mais algumas dicas?
- Ah, que isso, hehe! Será um prazer, Ofélia.

AHOE - Foto 218

Algum tempo depois, com Lilá em casa e Ofélia se divertindo, Olívia se sentiu um pouco sozinha, afinal... Ela queria um amor de verdade, ao invés de estar procurando só por Dona Morte...

Algum tempo depois, com Lilá em casa e Ofélia se divertindo, Olívia se sentiu um pouco sozinha, afinal... Ela queria um amor de verdade, ao invés de estar procurando só por Dona Morte... Durante alguns segundos, ela se cansou de Dona Morte. Partiu pra outra. Caminhou, caminhou e caminhou até que encontrou o amor da sua vida: Inglório Espectro. Diferente de 3 decepções amorosas, Olívia já nem quis mais pensar em outro golpe do baú. Já estava rica o bastante e feliz. Ele o fez muito feliz. Eles tiveram diversos encontros... Tanto que começaram a namorar... Olívia estava perdidamente apaixonada por Inglório, e tinha certeza que tudo daria certo, no final. Apesar de ele ser um pouco mais velha que ela, isso não impediu deles serem felizes.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória