FANDOM


Dia de Granizo
Nome Dia de Granizo
Escrito por AmandaMM
Data de lançamento 11 de Dezembro de 2013
Simsérie 12 Dias para Amar
Classificação Classificação 12 anos 12 anos

Cronologia
Capítulo Anterior Uma Loucura Que Pode Dar Certo
Próximo Capítulo A Proposta de Aniversário
Mudou-se

Propriedade

12 Dias para Amar - Capítulo 9: Dia de Granizo é de propriedade de AmandaMM. A menos que a edição seja construtiva ou de poucos detalhes, peça permissão ao autor para editar a página.


Acordo depois de um sono profundo. Por um momento não consigo lembro nada, onde estou e com quem estou, mas afinal que dia é hoje? O verão já acabou? Acordo e saio daquele saco de dormir velho, e logo lembro, mas me engano, não sei, mas por que dormi aqui? A sim, porque simplesmente queria está próximo, próximo... Levanto-me, vejo Maíra já vestida deitada sobre a cama de olhos fechados, como se procurasse relaxar. Troco-me rapidamente.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (01)

Maíra então abre os olhos e diz quase rindo: - Dorminhoco... Bom dia. Digo um pouco sem graça:

- Bom dia Maíra.

Maíra se levanta e diz:

- Não vou te perguntar se dormiu bem, pois acho que não.

Eu sorrio e digo:

- Pelo contrário! Dormi como pedra e sinto-me totalmente recuperado.

Maíra ri um pouco e diz:

- Também... São onze e quarenta e pouco!

Espanto-me e digo:

- Meu Deus! Perdi toda a manhã!

Maíra se aproxima mais e coloca a mão em meu ombro e diz sorridente:

- Mas como você mesmo disse, pelo menos agora está totalmente recuperado. Despreocupe-se.

Eu não sei o que dizer, ela então beija minha bochecha e diz enquanto se retira:

- Paguei as contas que chegaram pela manhã enquanto dormia, Daniel sai cedo demais para trabalhar...

Subo as escadas, devo guardar de novo esse saco velho, ou seria melhor jogar no lixo? Esquece. Preciso de um banho e de algo para comer urgentemente, desvantagens aparentes de dormir demais, espero apenas não está com um par de olheiras.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (02)

Depois do banho eu me olho no espelho e vejo que estou bem, meu aniversário e o de Daniel se aproxima, a minha morte também, faltam uma exata e crua semana, sete por de sols, o tempo que falta para as folhas de outono se espalharem pelo quintal, mas nunca mais verei neve, verei as flores de primavera. Devo parar de pensar nisso por um instante, pelo meu próprio bem. Desço para sala e dou de cara com Maíra dançando com o rádio ligado na estação Pop como de costume. Mesmo inusitado gosto do sorriso em seu rosto, é algo que me faz bem.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (03)

Maíra me repara e diz:

- Não quer dançar também Alberto?

Eu digo sorrindo:

- Agora não, preciso me alimentar, espero que entenda.

Maíra para de dançar e diz com um leve sorriso:

- Claro que sim, deve está faminto! Pois perdeu uma das refeições mais importantes!

Eu balanço a cabeça, retiro-me para cozinha logo ao lado, planejo comer um sanduíche de queijo grelhado. Preparo tudo, o som ainda toca, mas como estou de costas para onde possivelmente está Maíra, não tenho certeza de seu paradeiro. Viro-me e vou em direção a mesa de jantar, Maíra está sentada lá, onde ela costuma sentar desde... Ontem, e eu sento-me logo ao seu lado e como meu sanduíche.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (04)

Eu não falo e Maíra também, mas isso não é problema algum, quando termino de comer e lavo a louça vou jogar vídeo game com ela! E a novidade: Eu perdi todas as partidas.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (05)

Enquanto jogávamos, Daniel chegou e trocamos poucas palavras, Daniel ultimamente chega tão cansado do trabalho que vai direto para o quarto tirar um cochilo, está muito preso a apenas cama e trabalho, mas essa é a conseqüência de alguns empregos afinal. Depois de muito jogar... perder... Maíra e eu ficamos apenas juntos e bem quietos na sala.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (06)

Já anoiteceu, ainda estamos lá como há algum tempo atrás, Daniel surge diante de nós e diz com a aparência de nos encarar:

- O que estão aprontando aí, pombinhos?

Eu e Maíra rimos ao mesmo tempo. Daniel diz ainda com o olhar vidrado em mim e Maíra:

- Sem nenhuma sacanagem em minha presença, vou parar por aqui e ler um livro do trabalho, certo?

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (07)

Eu me levanto de imediato e digo quase gritando:

- Que ofensa é essa, Daniel?

Daniel ri e diz:

- Calma aí!

Maíra diz:

- Deixe seu irmão, deve estar brincando.

Daniel balança a cabeça, eu digo com expressões fechadas:

- Não gosto desse tipo de brincadeira.

Daniel se senta no outro sofá e começa a ler o livro de que ele falou, eu ainda de pé digo a Maíra atrás de mim:

- Vou preparar alguma coisa para comermos.

Ela balança a cabeça como de costume. Depois de comer, eu vou dormir, não sei nove da noite, mas simplesmente já me sinto cansado e desejo ir dormir, sendo que já acordei tarde demais hoje, mas é melhor não entender de onde vem tanto sono.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (08)
12 Dias para Amar - Capítulo 9 (09)

Em compensação acordei cedo, logo às seis da manhã, me sinto descansado o bastante, e hoje estou decidido há sair um pouco e pretendo está na companhia de Maíra. Arrumo-me e desço, quero primeiramente dar um bom dia a ela, hoje é terça e estou com vários planos em mente que gostaria de compartilhar, porém seu quarto assim que entro vejo estar vazio.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (10)

Vou procurá-la então em outro lugar, entro na sala onde tem a minha bateria e dou de cara com Maíra sentada em uma das cadeiras com uma postura pensativa, não faço ideia do que pode se passar por sua cabeça agora, mas espero que não seja nada de ruim. Ela logo me repara olhando para ela então diz:

- Acordado há essa hora?

Eu sorrio e digo:

- Pergunto-te o mesmo.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (11)

Maíra olha para baixo e depois se levanta. Ela olha para mim e diz: - Fico feliz por ter dormido em sua cama hoje, acho que dormir do chão deve causar dores musculares. Eu sorrio e digo: - Que nada! Eu simplesmente não queria me desgrudar de você antes de ontem, só isso. Maíra sorrir, eu digo então: - Tocando no assunto, estava pensando em sairmos hoje, queria te mostrar um lugar e prometo que depois faremos diversas outras coisas. Maíra diz: - Ótimo! Eu também estava pensando em sair! Para onde vamos? Eu pisco e digo: - Você verá depois, agora devo ir comer alguma coisa, se quiser pode vim e me acompanhar. Maíra se levanta e me beija, simplesmente assim, acabo me sentido corar enquanto deixo a sala, fui pego de surpresa por ela mais uma vez.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (12)

Enquanto eu como meus Waffles na cozinha, vejo Maíra chegar até lá também e fazer um prato para ela, mas quando ela chega para comer eu já tinha terminado e estava indo lavar a louça, porém depois dela terminar de comer chego a ela e digo:

- Já que está tudo ok, se quiser podemos ir agora, o que acha?

Entre o intervalo de silêncio começa a chover granizo. Granizo! Há quanto tempo não presenciava uma chuva de granizo! Maíra sorri e diz:

- Claro que sim, não vamos deixar essa boba chuva de granizo estragar nossos planos, certo? Eu balanço a cabeça.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (13)
12 Dias para Amar - Capítulo 9 (14)

O silêncio no carro é notável, tanto eu quanto Maíra admiramos essa chuva incomum, esse granizo é impressionante: sua chuva causa um belo efeito nos arredores, porém parece que vai detonar com meu carro! Ainda bem que não nos atingirá, já que eu e Maíra estamos com nossos guarda-chuvas. Apenas queria que essa chuva não tirasse a claridade da manhã, mas já fez isso.

Levo-a até o ponto de pesca que tanto amo ir, num dia claro hoje estaria incrível, mas mesmo com essa penumbra não deixa de ser incrível, pelo menos para mim, na situação que me encontro vejo cores no cinza e cinza nas cores, típico de uma loucura ou simplesmente estou procurando valorizar todas as coisas antes de jamais poder vê-las novamente.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (15)

O granizo está mais fraco agora, Maíra está parada atrás de mim provavelmente olhando onde eu a menti e eu digo:

- Eu vinha aqui na infância para pescar, gosto muito daqui até hoje... é especial.

Maíra então diz de costas para mim:

- É lindo! Queria ver como fica na luz... e essas quedas d’água? Tão claras e perfeitas...

Eu me viro para ela e sorrio. Maíra diz então:

- O que faremos por aqui além de admirar?

Eu levo à mão livre a cabeça e digo:

- Pensei em pescar um pouco, mas não sei se sabe ou se ao menos gosta.

Maíra sorri e diz:

- Posso aprender, acho que agora que o granizo está mais fraco poderemos ficar sem esses guarda-chuvas, também.

Eu balanço a cabeça. Depois de dar algumas orientações a Maíra, nós pescamos por quase duas horas.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (16)

Mesmo depois de todo esse tempo eu continuo pescando, Maíra para e vai até mim já com o seu guarda-chuva e diz:

- Você disse que tinha mais algo marcado para daqui a pouco. Deveríamos ir então, não é?
12 Dias para Amar - Capítulo 9 (17)

Eu paro imediatamente de pescar e digo:

- É verdade! Se não fosse você nos atrasaríamos! Vamos logo! Posso já ter comprado os ingressos, mas a pipoca tem uma fila enorme e sempre...

Chegamos ao cinema dez minutos depois, a fila da pipoca estava gigante mesmo, mas não perdemos nada mais do que aquele bando de propagandas iniciais. Vimos um bom filme de ficção cientifica que todos andavam falando que era ótimo, porém prometi a ela que se tiver uma próxima vez escolheria um romance para assistirmos.

Prestamos mais atenção no filme do que na pipoca que compramos então a levo para jantar no bistrô, acabamos não comendo muito, mas alguma coisa. O granizo finalmente acabou e um céu estralado estava ali encantando a noite sem lua, quando voltamos para casa dedicamos alguns momentos especiais para apenas observar tudo isso com muito encanto.

12 Dias para Amar - Capítulo 9 (18)

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória